domingo, 29 de agosto de 2010

Voz de um Ídolo



Consegues começar um concerto com toda a gente eufórica e acabá-lo com toda a gente comvida.
Então, aprendi que só estaria a ser justa se te conjugasse no grau superlativo absoluto analítico. Descobri também que a saudade não era assim tão má e que cada reencontro seriam recompensados. Soube aos poucos que algo me fazia mover para além dos familiares e amigos - tu.
Permiti que tu me conquistasses em todas as subidas ao palco, sem que ninguém interverir-se. Eu sei que ninguém consegue compreender as palavras insuficientes, a adrenalina, o nervosismo e até mesmo as lágrimas mas é mesmo esse o poder de um ídolo!
João Pedro Pais e tu fizeste com que nós fossemos cúmplices.
Sigo-te desde 2003!

Elo.

11 comentários:

  1. ele é deveras maravilhoso, é verdade

    ResponderExcluir
  2. que lindo que está!
    identifico-me tanto com esse texto!! :'))
    fico feliz por saber que há gente a sentir o mesmo que eu.

    ResponderExcluir
  3. O teu texto diz tudo. Revejo muito o que penso relativamente ao João Pedro nas tuas palavras.

    :)

    ResponderExcluir
  4. o importante é a felicidade que tudo isto te dá

    ResponderExcluir
  5. Muito bem, Parabéns pelos teus textos, também gosto das músicas deles.
    Vou seguir-te :D

    ResponderExcluir
  6. adorei o blog, já estou a seguir! :)

    ResponderExcluir
  7. muito obrigada pelas palavrinhas Elo :)

    p.s: já te aceitei no face ;)

    ResponderExcluir
  8. Não acredito! Acabei de chegar ao teu blog e já gosto de ti! Pela primeira vez na vida acho que alguém me compreende.. Sinto a mesma coisa, é algo que não dá pra explicar, não é? Até me sinto ridícula quando tocam no assunto mas é mais forte que eu. Há coisas que me ultrapassam! Um dia vou perceber o porquê do meu amor platónico... Jay Jay :)
    Beijinhos**

    ResponderExcluir
  9. amo, amo, amo! AMO ESTE HOMEM, AMO AS PALAVRAS DELE, AMO A MUSICALIDADE DELE, AMO TUDO, TUDO O QUE ELE FAZ. AMOOOOOOOOOOOOOOOO

    ResponderExcluir
  10. Não, é o Jay Jay dos Da Weasel :)
    É inexplicável, né?

    ResponderExcluir